Polycom Brasil premia cases que usam videocolaboração para melhorar atuação

Prêmios foram entregues na 2ª Edição do Customer Success Award Brasil

Da Redação


 

A Polycom Brasil realizou neste mês a 2ª Edição do Polycom Customer Success Award Brasil, premiação cujo objetivo é reconhecer as organizações que melhor aplicam as soluções de vídeo colaboração às suas atividades e proporcionam impacto positivo direto ou indireto à sociedade.

Os critérios observados pela comissão de jurados neste ano foram quatro: inovação, retorno de investimento, alcance do uso da tecnologia e relevância da adoção.

A Polícia Militar do Estado de São Paulo foi a grande vencedora da premiação. A corporação faz uso de vídeo colaboração desde as reuniões do alto comando, passando por treinamentos dos batalhões existentes em 606 localidades do estado, até alcançar indiretamente a população com as plataformas de vídeo colaboração instaladas como salas móveis de conferência nos caminhões do Corpo de Bombeiros, da Polícia Rodoviária e para apoio aos grandes eventos (como manifestações, Grande Prêmio de F1, entre outros).

Já a experiência da Secretaria Estadual de Saúde do Paraná (2º lugar) se destaca pela ação colaborativa que o órgão dá às plataformas de vídeo colaboração. Além do uso próprio, incluindo uma ação em telemedicina, o órgão estadual paranaense empresta sua infraestrutura às Secretarias Estaduais da Educação, da Justiça e do Trabalho e Desenvolvimento Social – área da Família, além daCompanhia de Tecnologia da Informação e Comunicação do Paraná (Celepar).

O terceiro lugar ficou para a Associação PRÓ-VIDA. A demanda por aulas, treinamentos, reuniões e acompanhamento de associados espalhados por mais de 120 localidades e em dez países (na América Latina, na Europa e nos Estados Unidos) é o resultado mais substancial alcançado e com alta qualidade em close e interatividade proporcionada pela tecnologia de vídeo colaboração, passando uma sensação bem realista como se as pessoa estivessem reunidas presencialmente.

De acordo com Pierre Rodríguez, vice-presidente para América Latina e Caribe da Polycom, “a relevância deste projeto criado no Brasil é mostrar a aplicação da tecnologia de colaboração em suas inúmeras possibilidades, independentemente do negócio ou da atuação da organização, de maneira a disseminar as melhores práticas para o desenvolvimento do cliente e, principalmente, do benefício à sociedade”.

Notícias Relacionadas